sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Trecho de um poema de Gilberto Freyre

Eu ouço vozes
Eu vejo cores
Eu sinto passos
De outro Brasil que vem aí
Mais tropical
Mais fraternal
Mais brasileiro
(...)
Mãos brasileiras
Brancas, morenas, pretas, pardas, roxas
Tropicais
Sindicais
Fraternais.
Eu ouço as vozes
Eu vejo as cores
Eu sinto os passos
Desse Brasil que vem aí.
Um Brasil que se constrói! A vós, mocidade, a palavra e a ação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto
Recife, PE, Brazil
Uma pessoa que ama as coisas simples da vida e está sempre preocupada com o mundo, com as pessoas, com o social. Meu maior desejo é poder contribuir de alguma forma para que outras pessoas conheçam essa maravilhosa área que trabalha com as expressões da questão social, na busca de amenizá-las.

Serviço Social

Loading...